Portal de apoio a comunidade

Ensino à Distância: aproximando o conhecimento.

9 de julho de 2018

Por Ana Luísa Calmon

 

O Ensino à Distância, também conhecido como EAD, é uma alternativa de ensino em que professores e alunos não precisam estar fisicamente presentes no mesmo ambiente e ao mesmo tempo para que ocorra a aprendizagem, pois se dá através do uso de ferramentas tecnológicas que permitem a interação entre ambos. Essa forma de aprendizagem já existe há muito tempo, mas só agora, com o avanço acelerado da tecnologia, é que se tornou mais difundida e acessível. Atualmente, no Brasil, o EAD representa mais de 25% das matrículas do ensino superior e tem a função social de promover e ampliar o acesso à educação.

A maior parte das pessoas que optam pelo Ensino à Distância têm pouco tempo livre e precisam conciliar emprego e estudo, além de muitas vezes ainda terem que cuidar de outras atividades rotineiras.

A educação à distância tem conquistado cada vez mais pessoas, e a palavra chave entre todas as suas vantagens que tem atraído os estudantes é a flexibilidade. Não existem horários e locais fixos para estudar, como acontece nas graduações tradicionais. O aluno fica livre para acompanhar os conteúdos no horário mais conveniente, da forma que achar melhor. Jackson Medeiros Silva, 20 anos, estudante de educação física, relatou em entrevista que cria sua própria rotina em relação ao curso, adaptando às suas outras atividades: Tenho aula normal na segunda-feira e vou ao polo às quartas para fazer a aula prática. Já nos outros dias, procuro sempre dar uma olhada nas web aulas e ler o livro do curso”.

Uma expectativa perigosa é considerar que a formação à distância requer pouco ou nenhum esforço, comparada com outras formas de aprendizagem. Ao contrário, o EAD exige saber conduzir o ambiente virtual, saber onde está e o que necessita, como conseguir o que precisa, ler e escrever mensagens, ler e estudar o material de aprendizagem, resolver atividades e exercícios entre outras coisas. A universidade disponibiliza o AVA (Ambiente Virtual de Aprendizagem), nele contém todo o conteúdo das próximas aulas, denominados web aulas e também conhecidos como pré-aula. Além disso, temos também o livro, lendo o livro e assistindo às web aulas você entende perfeitamente a aula presencia”, conta Jackson.

Quanto à diferença na qualidade do ensino presencial e do ensino à distância, as pessoas se perguntam qual das metodologias têm mais qualidade, o estudante entrevistado afirmou que a diferença é inexistente: “A diferença pode existir em outros quesitos, mas na qualidade do ensino não”.

O EAD é ideal para quem tem motivação para aprender e autonomia para realizar seu curso, ou está impossibilitado de frequentar aulas presenciais em razão de outros impedimentos. É preciso que exista independência dos alunos em relação a organização do tempo de estudo, emprego dos recursos, espaços e participação. A motivação, a determinação e a força de vontade são imprescindíveis, pois se o aluno não estiver preparado para estudar online, os resultados podem não ser os esperados.